Defesa Civil

Defesa Civil

QUANDO ACIONAR A DEFESA CIVIL

A Defesa Civil DEVE ser acionada toda vez que a vida humana e o bem material estiverem em risco em uma situação de emergência.
Situação de Emergência é aquela em que acontece um acidente, um desastre ou outra situação qualquer em que as vidas das pessoas correm risco e que alguma coisa precisa ser feita para salvar ou para preservar ou para resgatar vidas humanas.
Você não precisa ser especialista em enchentes, desabamentos, explosões, árvores de risco, desastres, granizo ou incêndios - Se você acha que alguma coisa ruim pode acontecer e que vidas humanas correm algum tipo de risco, então deve acionar a Defesa Civil.
Em questão de minutos, a Defesa Civil vai enviar ao local um especialista no assunto (enchente, incêndio, desbarrancamento, trombada, engavetamento, vendaval, etc.) que vai orientar as pessoas sobre os riscos e alternativas. Para isso, a Defesa Civil mantém um cadastro com os nomes e telefones dos especialistas e também os recursos especiais (guindastes, holofotes, tratores, etc. com o telefone das empresas que podem emprestar ou alugar) que eventualmente possam ser necessários em uma situação de emergência.
Lembre-se que a Defesa Civil tem poderes para "requisitar" o que for necessário não importando se é de algum órgão governamental ou empresa particular. Se a Defesa Civil precisar, por exemplo, de um grande trator e uma construtora particular próxima tiver esse trator, a "requisição" feita pelo COMDEC deve ser imediatamente atendida. Se a empresa particular se negar a fornecer o trator, a empresa arcará com as conseqüências desse ato.
Se você mora em uma área de risco (barranco, brejo, beira de rio, etc.) pode montar um Núcleo de Defesa Civil - NUDEC específico para a sua comunidade.

COMO ACIONAR A DEFESA CIVIL

A Defesa Civil deve ser acionada através do telefone N0 199. Este número vale para todo o território nacional, em qualquer estado da federação e em qualquer município. Ao ligar para o número 199, a ligação vai cair na Central da Defesa Civil municipal da sua cidade.
Não importa se o desastre já aconteceu ou está em vias de acontecer. Chame a Defesa Civil pelo telefone 199.
Qualquer pessoa pode acionar a Defesa Civil. Não aceite outro número para chamar a Defesa Civil.
A vantagem de se ligar para o número 199 é que a ligação fica gravada com data, horário e o número do telefone que chamou. A Defesa Civil tem a obrigação de "ir até o local" para avaliar a gravidade da situação e fazer um relatório de atendimento. Qualquer demora no atendimento que cause o agravamento da situação de emergência poderá ser imputada aos agentes de plantão.
Estando no local, o Agente da Defesa Civil tem poderes investidos pela lei para "fazer o que for necessário" para salvar vidas. Para isso ele tem o poder de "requisitar" o parecer de especialistas. Médicos, Engenheiros, Veterinários, Geólogos, etc. podem e devem colaborar e emitir um "parecer profissional" sobre a gravidade da situação. O Agente não toma a decisão sozinho. Se uma parede precisa ser demolida, o Agente deve requisitar o parecer de um engenheiro.

Links

""

Telefones

199 (Emergência)
(47) 8838-5645 (Emergência)
(47) 3357-8599

E-mail

defesacivil@ibirama.sc.gov.br

Diretor

Fernando Jost

Experiência profissional:

Corpo de Bombeiros Voluntários de Ibirama
Período: De 2002 a janeiro de 2012
Funções desempenhadas: Mergulho de resgate, logística de atendimento (SCO), instrutor de todos os cursos de formação da instituição nas mais diversas áreas, resgate e atendimento à vitimas. Comandante de 2010 até janeiro de 2012.

Instituto Vitae
Períodos: Desde abril de 2012 (trabalhando atualmente).
Funções: Professor nas disciplinas de atendimento pré-hospitalar.


Defesa Civil de Ibirama
Período: Desde julho de 2012 (trabalhando atualmente)
Funções desempenhadas: Diretor da Defesa Civil. Implantação do sistema administrativo e operacional da Defesa Civil do município. Criação de canais diretos de contato com a comunidade através to telefone 199, redes sociais entre outros. Atendimento a população em situação de urgência, emergência e resposta a desastres.

Força Tarefa Brasileira
Período: Desde novembro de 2011 (trabalhando atualmente)
Funções desempenhadas: Coordenador Geral da Força Tarefa Brasileira . Organização de treinamentos, comando administrativo e operacional da entidade no estado, organização de missões, seleção e capacitação de integrantes entre outras.

Cursos de aperfeiçoamento:

Curso: Bager – Bases Administrativas para Gestão de Riscos
Instituição: Universidade UDESC
Período: 07 a 10 de dezembro de 2010

Curso: Conseg’s e a Redução de Riscos
Instituição: Departamento Estadual da Defesa civil
Período: Maio a junho de 2010

Cursos: Profis- Programa de desenvolvimento de Educadores
Instituição: SENAC
Período: Abril a novembro de 2010

Cursos: Resgate e Salvamento em Alturas em Portugal
Instituição: Academia de Bombeiros Voluntário de Cacilhas
Período: De 12 a 16 de Novembro de 2007.

Curso: Mergulho busca e recuperação
Instituição: SSI- Scuba Schools Internacional
Período: 24 de junho de 2011

Curso: Operação de resgate em estruturas Colapsadas no Equador
Instituição: Academia de Bombeiros de Guayaquil
Período: 09 a 13 de outubro de 2010

Curso: Salvamento Aéreo SAR 005
Instituição: Força Aérea Brasileira
Período: Outubro de 2011

Curso: Resgate Subterrâneo 
Instituição: Resgatistas Voluntários do Chile.
Período: de 09 á 12 de Novembro.

Curso: S2ID Sistema Integrado de Informações sobre Desastres
Instituição: Defesa Civil Nacional UFSC, CSE, CAD.
Período: de 09/11/2012 á 20/12/2012

Curso: Busca e Salvamento terrestre
Instituição Bombeiro de Guaramirim SC
Período em 2008 50 Horas.

Curso: Condutor de Veículos de Emergência
Instituição: SESTE/ SENAT
Período: 30/05/2009 á 13/06/2009.

Curso: Incêndios de Progresso Rápido-IPR
Instituição Bombeiros de Jaraguá do Sul SC.
Período: 21/10/2008 á 24/10/2008.

Curso: Resgate Veicular leve e pesado
Instituição Holmatro
Período de 120 Horas.

Curso: Resgate Veicular Método SAVER
Instituição Bombeiros de Jaraguá do Sul SC
Período 04/09/2009 á 07/09/2009.

Curso: NFPA 1041 Fire Instructor I Training
Instituição Texas Engineering Extension Service
Período 03/07/2013 USA.

• Missão tragédias de setembro em Lontras, Rio do Sul, Ibirama e Presidente Getúlio.
Período: Setembro de 2011
Atuação como comandante das operações, mergulhador de resgate, salvamento de vítimas atingidas por deslizamentos e enchentes entre outros.

• Missão Haiti
Período: Janeiro de 2010
Integrando a Força Tarefa Unidade Arcanjo que atuou 21 dias após o terremoto que assolou o Haiti no salvamento de cidadãos e resgate e recuperação de corpos e capacitação da brigada comunitária haitiana.

E-mail:
Telefone: (47) 3357-8599
Facebook
Todos os direitos reservados © 2017 - Prefeitura Municipal de Ibirama
Prefeitura de Ibirama